UE concorda em ajudar países pobres enfrentar mudança climática

Os líderes da União Europeia (UE) concordaram nesta quinta-feira que as nações ricas devem conceder aos países em desenvolvimento até 7 bilhões de euros anuais, ou 10,3 bilhões de dólares, no período de 2010 a 2012 para ajudá-los a combater a mudança climática, disseram diplomatas do bloco.

REUTERS

17 Setembro 2009 | 21h28

Eles disseram que os líderes também concordaram durante uma reunião em Bruxelas, na Bélgica, que os países em desenvolvimento precisarão de 100 bilhões de euros por ano até 2020 para combater o aquecimento global.

Mais conteúdo sobre:
CLIMA UE*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.