Tufão Vongfong deixa dois mortos e quase 100 feridos no Japão

Tufão Vongfong deixa dois mortos e quase 100 feridos no Japão

A tempestade levou chuvas fortes a Tóquio durante a noite e deu um nó no tráfego em boa parte do país no último dia de um feriado prolongado de final de semana

REUTERS

14 Outubro 2014 | 11h39

Uma tempestade violenta que assolou o Japão com ventos fortes e chuvas torrenciais, matando duas pessoas, rumou para o Oceano Pacífico nesta terça-feira e foi rebaixada para a categoria de depressão tropical.

Na tarde desta terça-feira (horário local) o tufão Vongfong, a certa altura a tempestade mais forte a atingir o território japonês este ano, estava na costa da região de Tohoku, devastada por um terremoto e um tsunami em 2011, afirmou a Agência Meteorológica do Japão.

Depois que a tempestade passou pelo oeste japonês, um homem de 90 anos foi encontrado morto na vala de irrigação de um campo. Um homem de 72 anos se afogou. Outra pessoa está desaparecida e quase 100 ficaram feridas.

O Vongfong levou chuvas fortes a Tóquio durante a noite e deu um nó no tráfego em boa parte do país no último dia de um feriado prolongado de final de semana. Mais de 600 voos foram cancelados em todo o território na segunda-feira e mais de 60 cancelamentos devem ocorrer nesta terça-feira, informou o canal de televisão NHK.

O sol retornou à capital na manhã desta terça-feira e os serviços de trem voltavam ao normal, mas chuvas pesadas ainda atingiam o norte do Japão.

A elevação das marés inundou áreas costeiras da cidade de Kesenuma, onde o solo próximo à água afundou por causa do tremor de 2011. Mais de 800 mil pessoas de todo o país foram exortadas a abandonar suas casas, e mais de 150 mil residências ficaram sem energia, relatou a NHK.

(Por Junko Fujita e William Mallard)

Mais conteúdo sobre:
AMBIENTE TUFAO JAPAO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.