Tornados matam ao menos 26 no sul dos EUA

Tornados e tempestades atingiramvários Estados norte-americanos na noite de terça-feira,deixando pelo menos 26 mortos, dezenas de feridos e muitosprejuízos, segundo a imprensa local e os serviços deemergência. O mau tempo provocou acidentes rodoviários e destruição decasas em Arkansas, Tennessee, Kentucky e Mississippi. Os doisprimeiros haviam tido votações para a definição de candidatos apresidente, como parte da chamada "superterça". Na manhã desta quarta, a cidade de Nova Orleans e osEstados do Alabama e Geórgia também estavam sob alerta detornados. Vários pré-candidatos presidenciais enviaram condolências afamiliares das vítimas. A imprensa disse que pelo menos quatroseções eleitorais do Tennessee fecharam antes da hora por causadas tempestades. Ao menos 12 pessoas foram mortas no Estado, de acordo com aedição online do jornal Nashville Tennessean. No Arkansas, houve pelo menos 11 mortes em oito condados."Está sendo uma noite bem complicada. Não sei se me lembro determos tido tantos alertas (contra tornados) e ocorrências",disse o governador de Arkansas, Mike Beebe, por telefone docentro de operações de emergência na zona norte de Little Rock. Um porta-voz disse que o Estado ainda não sabe quantaspessoas ficaram feridas. No Kentucky, pelo menos três pessoas foram mortas em umestacionamento de trailers, segundo o jornal LouisvilleCourier-Journal. Parte de um shopping center foi destruída em Memphis, assimcomo um alojamento da universidade Union, em Jackson. Algunsestudantes chegaram a ficar presos, mas não houve vítimas,segundo o site do jornal Memphis Commercial Appeal. De acordo com a rede CNN, há até 86 feridos na rota dastempestades. (Por Mike Conlon e Todd Eastham)

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.