Tempestade tropical no Atlântico deve se dissipar em 2 dias

A tempestade tropical Henri se formou no Oceano Atlântico nesta terça-feira, mas deve se dissipar em dois dias, informou o Centro Nacional de Furacões dos Estados Unidos.

REUTERS

06 Outubro 2009 | 20h08

A oitava tempestade tropical da temporada de furacões 2009 do Atlântico tem ventos constantes de 65 km por hora e está a cerca de 965 quilômetros a leste das ilhas caribenhas de Leewards, afirmou o centro.

O sistema se move a cerca de 30 quilômetros por hora em trajetória que o manterá bem ao norte das ilhas caribenhas no futuro próximo, disse o instituto.

"O ciclone deve se reduzir a uma depressão nas próximas 24 horas e a maioria dos modelos globais mostram o Henri se dissipando em 48 horas", disse o centro em comunicado.

A tempestade não deve atingir a populosa costa leste dos EUA ou os campos de energia norte-americanos no Golfo do México.

Traders de energia se mantêm atentos a tempestades que podem entrar no Golfo e interromper a produção de gás natural e de petróleo ou operações de refinarias localizadas ao longo da costa.

Traders de commodities atentam para os sistemas que podem prejudicar plantações na Flórida, como as de algodão e cítricos, e em outros estados na costa até o Texas.

(Reportagem de Jim Loney)

Mais conteúdo sobre:
CLIMA HENRI TEMPESTADE*

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.