Tempestade tropical Matthew se dirige para Nicarágua e Honduras

A tempestade tropical Matthew se fortaleceu no oeste do Caribe nesta sexta-feira e a previsão é que atinja a Nicarágua e Honduras no fim do dia, informou o Centro Nacional de Furacões dos Estados Unidos, com sede em Miami.

REUTERS

24 de setembro de 2010 | 09h09

A tormenta seguia com ventos sustentados de 85 quilômetros por hora e pode prejudicar a colheita de café, que deve começar no mês que vem em Honduras e Guatemala, grandes exportadores regionais do produto.

A Nicarágua já havia reduzido a estimativa de produção da safra 2010/2011 depois de meses de fortes chuvas que prejudicaram as lavouras e estradas.

"A previsão é que o centro de Matthew se situe perto ou sobre o nordeste da Nicarágua e leste de Honduras no fim do dia de hoje", afirmou o Centro em um comunicado às 5 horas (6h em Brasília).

De acordo com o Centro, o Matthew deve fortalecer-se nas próximas 48 horas e "poderia se tornar um furacão no fim do dia".

Matthew é a 13o. tempestade desta temporada no Atlântico e estava situado 390 quilômetros a leste de Puerto Cabezas, Nicarágua. Dirigia-se para oeste e a previsão era de que se desviaria no rumo norte, em direção à península mexicana de Yucatán, perdendo força antes de alcançar o Golfo do México, onde se localiza a maioria dos poços de petróleo do México.

(Reportagem de Patrick Rucker)

Tudo o que sabemos sobre:
AMBIENTETEMPESTADEMATTHEW*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.