Tempestade tropical Earl se forma no leste do oceano Atlântico

A depressão tropical Sete no leste do oceano Atlântico ganhou força na quarta-feira para se converter na tempestade tropical Earl, informou o Centro Nacional de Furacões dos Estados Unidos.

REUTERS

25 de agosto de 2010 | 21h04

Os primeiros modelos climáticos mostram que o sistema eventualmente iria se dirigir ao noroeste, em direção a Bermudas, e longe das zonas principais de produção de gás e petróleo no Golfo do México.

Earl estava 840 quilômetros a oeste das ilhas de Cabo Verde, movendo-se para oeste a 26 quilômetros por hora, com ventos máximos sustentados de 64 quilômetros por hora.

Há previsão de um certo fortalecimento da tempestade nas próximas 48 horas, e para sexta-feira Earl poderia se converter no terceiro furacão da temporada no Atlântico.

O Centro disse que o furacão Danielle ainda é uma tempestade de categoria 1, com ventos de cerca de 136 quilômetros por hora, sem variações nas últimas horas, mas destacou que é possível um lento fortalecimento durante as próximas 48 horas.

Danielle se encontra na área central do Atlântico a 1.100 quilômetros leste-noroeste do extremo norte das ilhas de Barlovento, e agora se desloca para noroeste a 27 quilômetros por hora.

Os modelos climáticos ainda mostram que esse sistema se dirigia em direção a noroeste e logo para o norte, passando eventualmente pelo leste de Bermudas.

(Reportagem de Joe Silha)

Tudo o que sabemos sobre:
CLIMATEMPESTADEEARL*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.