Tempestade Isaac ameaça leste do Caribe

A tempestade tropical Isaac se formou nesta terça-feira no Atlântico e deve ganhar força até se tornar um furacão no decorrer desta semana, numa trajetória que atravessará o Caribe, segundo o Centro Nacional de Furacões (CNF) dos Estados Unidos.

Reuters

21 Agosto 2012 | 21h19

O centro da tempestade se encontrava cerca de 800 quilômetros a leste da ilha de Guadalupe, com ventos regulares de 64 quilômetros por hora. A previsão é de que ela vire um furacão até quinta-feira, ao se aproximar de Porto Rico.

Modelos computacionais mostram a tempestade avançando sucessivamente, já como furacão, na direção de Porto Rico, República Dominicana, Haiti, Jamaica e uma grande parte de Cuba.

É cedo para prever se o Isaac pode ameaçar operações de gás e petróleo no golfo do México. Meteorologistas do instituto privado Weather Insight, unidade da Thomson Reuters, estimaram em 60 por cento a chance de que o sistema entre no golfo como furacão.

Depois de se deslocar para oeste pelo Caribe nesta semana, a tempestade deve fazer uma curva para noroeste, potencialmente ameaçando a Flórida.

Mas o meteorologista Robbier Berg, do CNF, disse que a rota da tempestade depois de passar no domingo sobre Cuba é impossível de prever. "Neste momento, é esperar para ver e monitorar", afirmou.

Isaac é a nona tempestade batizada na atual temporada no Atlântico e Caribe. Ele deve passar na noite de quarta-feira pelo centro das Pequenas Antilhas, aparecendo na quinta-feira no leste do mar do Caribe, segundo o CNF.

Alertas de tempestade tropical foram feitos nas ilhas caribenhas de Martinica, Dominica, Guadalupe, Antígua e partes de Curaçao. As Ilhas Virgens Britânicas, Virgens Americanas e Porto Rico estão em estado de observação.

A tempestade começou como Depressão Tropical 9, e foi depois elevada a tempestade tropical.

O meteorologista Jeff Masters, do instituto privado Weather Underground, estimou em 2 por cento a chance de que o Isaac obrigue a uma paralisação da Convenção Nacional Republicana, importante evento político marcado para 27 a 30 de agosto em Tampa, na Flórida.

(Reportagem de Kevin Gray)

Mais conteúdo sobre:
CLIMAISAACTEMPESTADE*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.