Dana Gallagher The New York Times
Dana Gallagher The New York Times

Série de lives 'Retomada Verde' recebe Rafael Morais, CEO da Brasil Eco Fashion Week, nesta segunda

Entrevista, transmitida no Facebook do Estadão, às 16h, discute o papel da moda sustentável neste movimento global e também terá a participação de Amélia Malheiros, gestora da Fundação Hermann Hering

Redação, O Estado de S.Paulo

31 de agosto de 2020 | 10h00

Moda sustentável é definido por metodologias e processos de produção que não são prejudiciais ao meio ambiente, ou seja, integra a criação de roupas e acessórios sem afetar o ecossistema que existe ao redor de toda a cadeia de fabricação. Ou seja, o conceito pode ser aplicado de formas diferentes a todas as etapas de produção de roupas e acessórios, do tratamento de matérias-primas orgânicas ao reaproveitamente de resíduos têxteis, transformados em novas peças. 

Nesta segunda-feira, 31, o Estadão conversa sobre o assunto com Rafael Morais, CEO e coidealizador da Brasil Eco Fashion Week., e com Amélia Malheiros, gestora da Fundação Hermann Hering. A transmissão será às 16h, no Facebook do jornal, e faz parte da série de lives Retomada Verde.

Morais irá explicar, em principal, como se caracteriza a moda sustentável, quais os benefícios para o meio ambiente e de que forma esses métodos se inserem na produção do universo fashion, de pequenos produtores a grandes marcas do varejo nacional. Amélia, por sua vez, irá mostrar como a Fundação Hering tem investido em uma economia afetiva alinhada ao empreendedorismo consciente, por meio de programas de capacitação pelo Brasil.

Cobertura multiplataforma

A crise causada pela pandemia da covid-19 incentivou uma discussão: como retomar a economia em novas bases, de maneira mais sustentável? Batizado de Retomada Verde, esse movimento global tem engajado cada vez mais empresários, economistas e personalidades no Brasil.

 

O tema fará parte de uma cobertura multiplataforma no Estadão, que incluirá reportagens especiais, podcasts, vídeos e conteúdos especiais para Instagram, LinkedIn, TikTok, Twitter e Facebook.

Na última quarta-feira, 26, o jornal lançou o primeiro episódio do podcast "Vozes da Retomada Verde". Na estreia, foi apresentado o conceito da Retomada Verde e por que é tão importante discuti-lo neste contexto. Foi possível conhecer também um pouco da trajetória de Catarina Lorenzo, baiana de 13 anos que é uma das vozes que levam o ativismo ambiental do Brasil pelo mundo.

O novo podcast é publicado no mesmo canal do “Estadão Notícias” e pode ser seguido nas plataformas de streaming Spotify e Deezer; no Google Podcasts, Apple Podcasts e em qualquer agregador de podcasts.

A interação nas redes sociais também será um ponto alto do especial. De que maneira pautas antes restritas a entidades e ambientalistas têm impulsionado mudanças na casa, no trabalho e no negócio dos brasileiros?

Leitores serão convidados a opinar sobre vários assuntos relacionados à economia verde e enviar suas dúvidas para jornalistas e especialistas. Também poderão relatar suas experiências sustentáveis no dia a dia e, na série Virei a Chave, conhecer alguns bons exemplos de transformação que têm ajudado, por exemplo, a reduzir o consumo de água e energia e melhorar a reciclagem de lixo. Confira:

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.