Rede Hyatt tem como meta cortar em 25% as emissões de gases

Até 2015, hotéis devem cumprir meta; empresa busca programas de certificação

Afra Balazina, O Estado de S.Paulo

05 Janeiro 2011 | 14h08

A rede de hotéis Hyatt tem como meta para 2015 cortar em 25% as emissões de gases de efeito estufa por metro quadrado em relação a 2006. Também tem como objetivo reduzir o consumo de água por hóspede em 20% e o de lixo gerado por cliente em 25%, comparado aos níveis de 2006.

 

Para conseguir cumprir o compromisso e melhorar a gestão ambiental, o Hyatt tem a ajuda de programas de certificação. Dois hotéis da marca são certificados pelo EarthCheck – o Grand Hyatt Cairo e o Hyatt Regency Aruba. Mas a empresa optou por utilizar a certificação Green Key Global nos hotéis do Canadá e dos EUA.

“Temos trabalhado para colocar os programas e processos corretos para elevar a consciência ambiental de toda a organização e para reduzir a pegada ambiental de nossas operações”, diz Brigitta Witt, vice-presidente de responsabilidade social corporativa do Hyatt

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.