Protagonismo Verde
Conteúdo Estadão Blue Studio

Protagonismo Verde

No mundo pós-pandemia, a questão ambiental não vem mais a reboque. É um debate que passou a ser central

Estadão Blue Studio, O Estado de S.Paulo

05 de junho de 2022 | 00h01

Sociedade organizada, cientistas, setor privado e governo. Em nenhuma dessas esferas, a questão ambiental pode ser tratada como coadjuvante. O jogo mudou. Os últimos anos escancararam a importância de o meio ambiente ser colocado, ao menos, no mesmo patamar das questões políticas, econômicas e sociais. 

Seja na gestão dos resíduos sólidos, na manutenção das florestas e da biodiversidade de uma forma geral, o desrespeito com as atuais e futuras gerações não pode ser mais ignorado. Os sinais são nítidos. Seja a pandemia (e outras doenças infecciosas que surgiram por causa do desmatamento) ou as tragédias mais recentes em Petrópolis ou no Recife. Não existe mais outra saída.

Neste Dia Mundial do Meio Ambiente, celebrado em 5 de junho, ao mesmo tempo que os problemas crônicos do Brasil precisam ser realçados e debatidos, também é necessário apontar caminhos e soluções. Conceitos como os da economia circular, carbono zero ou restauração florestal serão cada vez mais decisivos e não devem mais ser empurrados para debaixo do tapete.

Conteúdo produzido pelo estadão blue studio, a área de conteúdo customizado do estadão

Tudo o que sabemos sobre:
meio ambiente

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.