Preso em Bali suspeito de tráfico de animais no Brasil

Tcheco suspeito de adquirir espécies em extinção era procurado desde a deflagração da Operação Oxóssi

da Redação,

23 Março 2009 | 18h12

 Um tcheco suspeito de adquirir espécies em extinção no Brasil foi preso nesta segunda-feira, 23, no Aeroporto Internacional de Bali, na Indonésia. Ele era procurado pela justiça brasileira desde a deflagração da Operação Oxóssi, realizada pela Polícia Federal no último dia 11.

 

Veja também:

link Conheça as espécies vítimas de tráfico internacional de animais

link Polícia Federal prende 72 por tráfico internacional de animais

 

Graças ao trabalho conjunto das Interpol da Áustria, do Brasil, da Indonésia, da República Tcheca e de Viena o suspeito foi preso quando tentava embarcar em Bali para retornar à República Tcheca.

 

O governo da Indonésia se comprometeu prometeu a dar urgência ao processo de extradição para que o suspeito seja extraditado para o Brasil em até 20 dias.

Mais conteúdo sobre:
Operação Oxóssi

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.