TIAGO QUEIROZ/AE
TIAGO QUEIROZ/AE

Onça atropelada na Anhanguera será reintroduzida na natureza

A onça-parda Anhanguera (foto), que recebeu esse nome após ser atropelada há um ano no km 71 da rodovia de mesmo nome, está prestes a ser reintroduzida na natureza. Hoje o animal, um macho, recebe um rádio colar e um microchip para monitorar sua volta ao hábitat.

O Estado de S. Paulo

21 Dezembro 2010 | 10h07

 

No primeiro momento, a onça ficará em um recinto para adaptação, explica a veterinária Cristina Adania, da Associação Mata Ciliar, em Jundiaí, que resgatou e cuidou do animal. “Anhanguera está plenamente recuperado do atropelamento. A adaptação, antes de voltar à mata, será necessária, pois o felino ficou mais de um ano em cativeiro”, explica Cristina. “O objetivo é aumentar suas chances de sobrevivência na natureza.” O local onde o animal será reintroduzido não será divulgado, para evitar a ação de caçadores.

 

Além da onça Anhanguera, só neste ano os veterinários da Associação Mata Ciliar reintroduziram na natureza outra onça-parda e dois lobos-guarás. O avanço da urbanização sobre áreas de mata remanescentes está expulsando esses animais de seu hábitat.

Mais conteúdo sobre:
Onça Reintrodução Anhanguera

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.