Obama se reúne com outros líderes a portas fechadas na COP

Países tentam superar impasses para concretizar um acordo neste último dia de conferência climática da ONU

AP,

18 Dezembro 2009 | 13h50

O presidente norte-americano, Barack Obama, e outros líderes mundiais estão reunidos nesta sexta-feira, 18, em mais uma reunião não prevista para tentarem alcançar um acordo na Conferência das Nações Unidas sobre as mudanças climáticas (COP-15), em Copenhague.

 

Veja também:

linkONU pede a líderes que ainda permaneçam em Copenhague 

linkFalta consenso sobre três pontos do acordo climático, diz UE

linkCúpula sobre clima tem última tentativa antes de naufrágio

linkLula e Obama divergem posições na COP-15

blog Blog da COP: o dia a dia na cúpula

especial COP-15, acompanhe os principais fatos

especial Glossário sobre o aquecimento global

especial Entenda as negociações do novo acordo   

 

O porta-voz da Casa Branca, Rober Gibbs, disse que Obama se encontra na tarde desta sexta-feira em uma reunião de portas fechadas com líderes da Austrália, Reino Unido, França, Alemanha e Japão, além de representantes de países em desenvolvimento como Etiópia, Bangladesh, Colômbia e outros.

 

China e Rússia, considerados pela ONU como participantes chave da cúpula, também estão presentes na reunião, a segunda realizada pelo grupo neste último dia de conferência. O primeiro-ministro chinês, Wen Jiabao, novamente não compareceu à reunião destes países e enviou um representante.

Mais conteúdo sobre:
Obama Copenhague cupula ONU clima

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.