Reuters
Reuters

Medidas contra aquecimento devem ser 'ambiciosas', diz ONU

Secretário-geral da organização pede que países industrializados e emergentes negociem um acordo obrigatório

Efe,

24 Fevereiro 2010 | 11h33

O secretário-geral da Organização das Nações Unidas (ONU), Ban Ki-moon, disse que a comunidade internacional deve ser "mais ambiciosa" na negociação de acordos para combater o crescente problema da mudança climática.

 

Veja também:

linkHu diz que China está engajada no combate ao aquecimento 

linkEUA anunciam reunião de grandes economias sobre o clima 

linkONU fará reuniões adicionais sobre clima em abril na Alemanha

especialGlossário sobre o aquecimento global

especialRumo à economia do baixo carbono     

 

Ban leu um comunicado durante a abertura do Fórum Ministerial Global sobre Meio Ambiente, encontro internacional que acontece esta semana na ilha indonésia de Bali e dá prosseguimento às discussões da Conferência de Copenhague.

 

Para o secretário-geral, os Governos dos países industrializados e das nações em desenvolvimento devem "aumentar suas ambições" e negociar um acordo vinculativo que sirva de instrumento para enfrentar o aquecimento global e suas consequências.

 

Como exemplo, Ban Ki-moon lembrou o Acordo de Montreal, que serviu para que cada país adotasse "responsabilidades diferenciadas". Com isso, a comunidade internacional resolveu, de forma conjunta, o problema do buraco da camada de ozônio.

 

"Um acordo similar pode ser adotado na luta contra a mudança climática", acrescentou. No entanto, Ban afirmou que o Acordo de Copenhague, assinado em dezembro, supôs um "significativo passo para frente" em várias áreas.

 

O encontro da Indonésia serve como transição entre a reunião de Copenhague e a próxima, prevista para o México, e tem a participação de delegados de mais de 130 países.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.