ARTEN VAN DJILI/GREENPEACE
ARTEN VAN DJILI/GREENPEACE

Letreiro em Amsterdã faz defesa da maior floresta do mundo

Ação chama a atenção sobre necessidade de preservar a floresta amazônica

Redação, O Estado de S.Paulo

26 de junho de 2019 | 23h23

Em Amsterdã, um letreiro gigante foi instalado em frente ao Museu Nacional de História e Arte dos Países Baixos e chama a atenção sobre a necessidade de preservar a floresta amazônica. No lugar de "I amsterdam", a nova mensagem diz "I amazonia”. 

A ação foi organizada por ativistas do Greenpeace. O painel, em um dos locais mais fotografados da Europa, tem três metros de altura por 22 metros de largura. O letreiro original havia sido removido em dezembro do ano passado. 

Alemanha

Nesta quarta-feira, 26, a chanceler alemã, Angela Merkel, disse que quer ter uma "conversa clara" com o presidente Jair Bolsonaro sobre o desmatamento no Brasil. Ela afirmou que se tiver a oportunidade vai tentar ter essa discussão durante o encontro da cúpula do G-20 que começa nesta sexta-feira, 28, em Osaka, no Japão.

"Assim como vocês, vejo com grande preocupação a questão das ações do presidente brasileiro (em relação ao desmatamento) e, se ela se apresentar, aproveitarei a oportunidade no G-20 para ter uma discussão clara com ele", afirmou aos seus deputados. 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.