Taba Benedicto/Estadão
Taba Benedicto/Estadão

Largo da Batata recebe intervenções artísticas da Virada Sustentável

Túnel de frases inspiradoras e instalação de artista holandês fazem refletir sobre mudanças climáticas e meios para reduzir os impactos ambientais

Paula Felix e Taba Benedicto, O Estado de S.Paulo

17 de setembro de 2020 | 22h08

Ao buscar uma solução para algum problema, há pessoas que olham para o céu e tentam encontrar alguma inspiração. Com algumas respostas esculpidas em madeira colorida presas no alto de uma armação metálica, a instalação "Olha pro Céu, meu Amor" é uma das intervenções artísticas que foram instaladas nesta quinta-feira, 17, no Largo da Batata, na zona oeste da capital, e que está entre as atrações da Virada Sustentável, que vai até 18 de outubro com uma programação presencial e online. O Estadão é o portal oficial da Virada Sustentável 2020, que neste ano completa dez anos.

"É uma intervenção que alcança várias dimensões. Quando se pensa nos temas da sustentabilidade, tem um primeiro impacto de ficar paralisado e sem saber o que fazer individualmente. Acha-se que vai cair uma resposta do céu. Ao mesmo tempo, olhar para o céu é uma conexão com o mais profundo e o mais simples", explica  Débora Ribeiro de Lima, coordenadora da equipe de curadoria e programação da Virada.

A instalação forma um túnel de frases inspiradoras sobre a questão do consumo sustentável. No início da tarde desta quinta-feira, 17, pessoas que passavam pelo local liam as frases, mas a instalação não formava aglomerações. "Não é todo mundo que está saindo, mas há pessoas que saem com objetivos claros. São pessoas que estão indo trabalhar e a obra pega a pessoa de surpresa e leva para a reflexão. E sem aglomeração. O objetivo é que as pessoas passem e não se demorem."

Também no local foi colocada a instalação Eggcidente, artista holandês do Henk Hofstra, com ovos fritos gigantes no asfalto. A obra faz referência às mudanças climáticas. As atrações podem ser vistas até o próximo domingo, 20.

Homem Sustentável

O Largo da Batata recebeu ainda a performance do Homem Sustentável, criada pelo performer Francesco D'Avila, que caminhou pelo local usando um mecanismo de produção individual de oxigênio. "Peguei objetos que eu tinha na casa da minha mãe. É um vidro, com terra dentro com uma armadura de ferro presa ao meu corpo. E tem um organismo vivo, que é uma cerejeira que está nele desde 2016. É um trabalho artístico e pedagógico, que já levei para ruas e escolas para discutir questões climáticas e sustentabilidade."

Toda a estrutura pesa três quilos. D'Avila diz que a performance também é um convite a pensar no futuro: "É quase uma aparição futurista, que vem para dizer: 'Se continuarem fazendo isso, o nosso futuro será assim. Todo ar que está fora será poluído'."

O artista diz que a obra, que já foi exibida em 2016, ganhou um novo significado diante da situação da pandemia. "O fato de eu usar máscara é muito interessante, porque traz esse mecanismo de produção de oxigênio, mas se encaixa no acordo coletivo de usar máscara por causa da pandemia."

Serviço

Virada Sustentável

De 16/9 a 18/10

Site: www.viradasustentavel.org.br

Instagram: @viradasustentavel

Facebook: facebook.com/viradasustentavel

Youtube: https://www.youtube.com/user/ViradaSustentavel

Destaques do evento


Eggcident

Instalação de ovos gigantes do artista holandês Henk Hofstra que remete ao aquecimento global e às mudanças climáticas

Olha pro Céu, meu Amor

Intervenção com frases de reflexão e inspiração

Onde: Largo da Batata

Quando: De 17 a 20/9

Cem Minas na Rua

Durante quatro dias, 22 artistas vão grafitar um muro de 150 metros. Além de diferentes estilos, a curadoria selecionou artistas negras, mães, trans e moradoras da periferia

Quando: De 1 a 04/10

Onde: Rua Doutor Adelino Chaves, Lapa   

Carreata Poética

Com um carro de som, serão recitados trechos do livro Quarto de Despejo, de Carolina Maria de Jesus. A atração contará com a participação de nove poetas do Grajaú, na zona sul da capital, e da filha da autora

Quando: 3/10, das 13 às 15 horas

Onde: Do Centro Cultural Grajaú até o Museu de Arte de São Paulo (Masp)

Cine Drive-in

Serão duas sessões diárias no estacionamento do Shopping Center Norte. Haverá a exibição dos filmes A Odisseia dos Tontos, Bingo: o Rei das Manhãs, Chorar de Rir, Talvez uma História de Amor, Motorrad, Hebe: a Estrela do Brasil e Trash: a Esperança Vem do Lixo

Quando: De 7 a 12/10, com sessões às 18h30 e às 21 horas  

Onde: Shopping Center Norte

Vagas: 100 por dia. Inscrição para retirada de ingressos: @viradasustentavel  e viradasustentavel.org.br

Jaguar Parade, Eu Era Outra Selva e FlorestAR_devir floresta :: A vida é uma Utopia

O Minhocão vai receber três intervenções artísticas. A Jaguar Parade destaca a importância da onça pintada. Já Eu Era Outra Selva reproduz a sensação de estar na floresta por meio de 200 guarda-sóis estampados. A proposta de FlorestAR_devir floresta :: A vida é uma Utopia é levar os sons da floresta para o local

Quando: De 17 a 18/10

Onde: Minhocão

Online:

Kate Raworth - Economia Donut

Palestra e debate com a economista britânica Kate Raworth, criadora do conceito economia donut, que revê o modo como é pensado o futuro do capitalismo

Quando: 18/9, das 14 às 15 horas

Inscrição pelo site da Virada Sustentável  

William McDonough  - Do Berço ao Berço

Palestra e debate com um dos criadores do conceito de economia circular, o arquiteto norte-americano William McDonough. Ele é coautor do livro Do Berço ao Berço, que propõe eliminar a geração de resíduos, transformando todo o material descartado em nutriente para a natureza (biológico) ou para a indústria (técnico)

Quando: 21/9, das 14 às 15 horas

Inscrição pelo site da Virada Sustentável   

O Amanhã da Paz - Meditação Global

No Dia Internacional da Paz será realizado um momento de meditação com lideranças espirituais e religiosas, além de porta-vozes da cultura de paz, como Monja Coen (Zen Brasil) e Tadashi Kadomoto (Instituto Tadashi Kadomoto)

Quando: 21/9, às 20h

Transmissão pelo @viradasustentável e perfis dos participantes disponíveis no site da Virada Sustentável 

Elza Soares

A cantora Elza Soares vai falar sobre a existência e a resistência da mulher negra

Quando: 30/9, das 18 às 19 horas 

Inscrição pelo site da Virada Sustentável

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.