Identificada espécie de 'minidinossauro'

Animal tinha apenas 70 centímetros de tamanho, entre o nariz e a ponta da sua cauda.

BBC Brasil, BBC

22 Outubro 2009 | 09h36

Cientistas identificaram uma nova espécie de dinossauro que, segundo eles, seria um dos menores já descobertos. O animal, que viveu há 150 milhões de anos, tinha apenas 70 centímetros de tamanho, entre o nariz e a ponta de sua cauda.

Os fósseis do dinossauro Fruitadens haagarorum foram descobertos há 30 anos, mas só agora que a nova espécie foi identificada.

Em pesquisa publicada na revista científica Proceedings B, os pesquisadores afirmam que o dinossauro teria peso inferior a um quilograma.

Os fósseis estão no Museu de História Natural de Los Angeles desde 1979, quando foram encontrados no Estado americano do Colorado.

'Pouco comum'

De acordo com pesquisadores, o pequeno dinossauro era ágil e um corredor muito rápido. Ele viveu durante a época Jurássica Superior, há cerca de 150 milhões de anos.

Ele pertencia a um grupo de dinossauros chamados ornitísquios, que comem plantas. Espécies muito maiores, como os tricerátopos e estegossauros, estão entre os animais do grupo.

O estudo foi conduzido pelo paleontólogo alemão Richard Butler, de Munique.

Ele disse à BBC que a análise dos dentes do Fruitadens revelaram que ele deveria ser onívoro, comendo apenas pequenos animais e vegetais.

"Isso é pouco comum para este grupo, já que a maioria é herbívora", disse. "Mas se você é pequeno, é difícil comer apenas vegetação, porque é difícil de digerir."

Animais maiores conseguiam sobreviver comendo apenas plantas.

O nome Fruitadens foi escolhido porque os fósseis foram encontrados na região de Fruita, no Colorado.

"O Fruitadens foi achado em uma área rochosa, a Morrison Formation, que os paleontólogos vêm estudando com atenção há 130 anos, e de onde saíram dezenas de espécies de dinossauros conhecidos hoje", disse Butler.

"Ainda assim é possível descobrir espécies únicas e extraordinárias."BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.