Furacão Julia é o quinto na temporada do Atlântico

A tempestade tropical Julia se fortaleceu no leste do Atlântico e se tornou o quinto furacão da temporada no oceano. Ao mesmo tempo, o furacão Igor se enfraquecia um pouco, embora continue sendo perigoso, na categoria 4 da escala Saffir-Simpson, que vai de 1 a 5, disseram meteorologistas.

REUTERS

14 de setembro de 2010 | 07h48

Os dois furacões não representam nenhuma ameaça imediata para o continente americano ou infraestruturas do setor de energia.

Julia alcançou o status de furacão sustentando ventos de 120 quilômetros por hora.

Estava localizado 535 quilômetros a oeste das ilhas de Cabo Verde por volta das 5 horas (6 horas em Brasília), segundo o Centro Nacional dos Furacões, com sede em Miami, e se dirigia para oeste-noroeste, na categoria 1 da escala Saffir-Simpson.

Já o furacão Igor está 1.200 quilômetros a leste das Ilhas Leeward, no Caribe, com ventos sustentados máximos de 215 quilômetros por hora.

Tudo o que sabemos sobre:
AMBIENTEFURACAOJULIA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.