Físico da USP tem trabalho reconhecido

Paulo Artaxo recebeu prêmio por pesquisa sobre aerossóis

O Estado de S. Paulo

14 de setembro de 2010 | 14h29

O físico Paulo Artaxo, da USP, recebeu o Fissan-Pui-TSI Award 2010 pela cooperação internacional bem-sucedida em pesquisa sobre aerossóis com Meinrat Andreae, diretor no Instituto Max Planck de Química, na Alemanha.

 

A cerimônia ocorreu ontem em Helsinque (Finlândia), na Conferência Internacional de Aerossol. Os pesquisadores atuam em parceria desde 1980 e realizaram mais de dez experimentos na Amazônia.

 

O trabalho resultou em cerca de 80 artigos científicos internacionais, 4 publicados nas revistas Science e Nature. “O mais difícil é conciliar a informalidade brasileira e o rigor alemão, e nós conseguimos superar esse desafio”, afirmou Artaxo.

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.