Filhotes de gavião atrasam projeto de R$ 1,14 bi na Escócia

Aves foram encontradas por trabalhadores em chaminé de 45 m em terminal de gás.

Da BBC Brasil, BBC

30 de maio de 2008 | 17h33

Cinco filhotes de gavião encontrados no topo de uma chaminé de 45 m de altura estão atrasando o andamento de um projeto de cerca de R$ 1,14 bi na Escócia.O ninho foi descoberto por homens que trabalham na reforma do terminal de gás na vila de St. Fergus (nordeste da Escócia) e começavam a montar um andaime.A Shell é a responsável pelo projeto e disse que os trabalhos foram atrasados até que os filhotes deixem o local.Especialistas afirmam que poderia levar três meses até que as aves abandonem o ninho. Enquanto isso, os trabalhadores irão continuar as obras em outras partes do projeto.Segundo a organização não-governamental RSPB, que trabalha pela proteção de aves e da vida selvagem, um representante da polícia foi contactado, assim como o departamento ambiental da própria Shell, para que os procedimentos corretos sejam seguidos.BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

Tudo o que sabemos sobre:
gavião filhote terminal gás

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.