EUA e Japão selam intercâmbio de informações sobre energia

Governos atuarão em conjunto em áreas como energia nuclear, redes de dados e armazenamento de carbono

Reuters,

13 Novembro 2009 | 13h55

Os governos dos Estados Unidos e do Japão anunciaram que fecharam um acordo durante encontro nesta sexta-feira, 13, para expandir a cooperação tecnológica em energias renováveis, em esforço para amenizar os efeitos das mudanças climáticas no globo.

 

Veja também:

linkMeta de redução voluntária de CO2 chegará a 38%, afirma Minc

linkMundo precisará de US$ 10,5 tri para limitar emissões, diz agência  

 

Os países atuarão em conjunto em áreas como redes de informação, retenção e armazenamento de carbono, e energia nuclear, comunicaram em uma nota conjunta o presidente norte-americano Barack Obama e o premiê japonês Yukio Hatoyama, em Tóquio.

 

Japão e Estados Unidos estudam definir a taxa de redução de emissão de CO2 em 80% até 2050 e colaborar para que a meta mundial chegue a 50% até o meio do século.

Mais conteúdo sobre:
Estados Unidos Japao energia clima

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.