Espécies raras da floresta tropical são sensíveis a vizinhos

Para entender por que algumas espécies são raras nas florestas tropicais enquanto outras são comuns, um estudo do Instituto de Pesquisa Tropical Smithsonian analisou informações sobre a sobrevivência de mais de 30 mil mudas de 180 espécies de árvores tropicais. Conclusão: as mudas de espécies raras são muito mais sensíveis à presença de vizinhos de suas próprias espécies que as mudas de espécies comuns.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.