Marcelo Sueth Ribeiro/Reprodução
Marcelo Sueth Ribeiro/Reprodução

'Ele curtiu a minha vibe', diz autor de selfie com bicho-preguiça

Guia turístico do Rio estava em trilha no Parque Estadual da Pedra Branca; imagem do animal ganhou repercussão na internet

Marco Antônio Carvalho, O Estado de S.Paulo

07 Julho 2016 | 07h00

SÃO PAULO - O guia turístico Marcelo Sueth Ribeiro, de 41 anos, estava em uma trilha no Parque Estadual da Pedra Branca, no Rio de Janeiro, quando se deparou com um bicho-preguiça em uma árvore. Encontrar animais no caminho é comum, conta, mas ele não esperava que, dessa vez, o bicho aparentasse estar posando e sorrindo para a câmera. “Sempre encontro animais nos passeios, quase todos os dias, não foi surpresa encontrar a preguiça. A surpresa maior foi a repercussão da foto.”

A selfie feita há três semanas rodou o mundo depois de ter sido postada por um inglês em uma rede social russa. Usuários da rede e a imprensa estrangeira repercutiram a imagem com o comportamento exótico do animal. “Trocamos uma energia legal ali, mas sou só o coadjuvante. O pessoal brincou dizendo que ela gostou da minha vibe”, disse o guia, acrescentando que não ficou muito tempo no local para não incomodar o animal. “Temos só que contemplar e ajudar na preservação da natureza para que as próximas gerações também possam aproveitar.”

Ribeiro contou que faz trilhas ali há cinco anos, sempre com grupos de amigos, mas já conhece a área há cerca de dez anos. De dois anos para cá, começou a trabalhar como guia turístico. Como hobby, gosta de fotografar com sua GoPro em um pau de selfie. “Dá para fotografar cenários bem legais, mas muitos outros a gente perde por não estar com a câmera no momento. Aí, a gente aproveita também para contemplar.”

Mais conteúdo sobre:
SÃO PAULO Rio de Janeiro

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.