Deslizamento mata 9 pessoas nas Filipinas; 14 desaparecem

Um deslizamento de terra matou pelo menos nove pessoas nos sul das Filipinas e equipes de resgate procuravam outras 14 que permaneciam desaparecidas, depois que chuvas de monções fizeram o solo ceder e enterraram cerca de 20 casas provisórias perto de uma cidade de mineiros. Autoridades disseram no domingo que dezenas de soldados, oficiais de polícia, mineiros e voluntários continuavam a cavar os escombros das casas destruídas no vale de Compostela, na ilha de Mindanao no domingo. Houve um segundo deslizamento no domingo na mesma área, cobrindo a única rodovia que corta uma montanha e leva à pequena vila. Cerca de 500 pessoas foram obrigadas a deixar suas casas para prevenir as consequências de um eventual terceiro incidente. "Nosso povo está lutando contra o clima e o tempo", disse o major Armand Rico. "Nós estamos enviando dois helicópteros para ajudar a retirar as vítimas e levá-las aos hospitais", disse ele, acrescentando que soldados de um batalhão do exército haviam sido empregados nos esforços de resgate. (Reportagem de Manny Mogato)

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.