Gerald Herbert/AP
Gerald Herbert/AP

BP envia nova estrutura para conter vazamento de óleo no Golfo do México

Nova cúpula foi levada ao mar por um navio e será colocada nesta quarta-feira perto do local de vazamento

Reuters

12 Maio 2010 | 09h15

PORT FOURCHON - A British Petroleum comunicou que já está enviando uma cúpula menor projetada para conter o vazamento de petróleo no fundo do Golfo do México e planeja tentar colocar a peça sobre o local da perfuração na quinta-feira.

 

Veja também:

linkMéxico estuda apresentar processo contra BP pelo vazamento de óleo

linkSenadores que investigam vazamento de óleo receberam doações da BP

linkONG faz coleta de cabelo para limpeza de praias no Golfo do México

 

A cúpula foi levada ao mar por um navio do porto Fourchon, no Estado norte-americano da Louisiana, onde foi fabricado, e será colocado perto do local de vazamento na terça-feira, disse à Reuters o porta-voz da BP, Bill Salvin.

 

Submarinos robôs farão, então, os preparativos antes da estrutura ser colocada no local, disse ele. "Esperamos ter o sistema pronto até quinta-feira", disse Salvin.

 

A cada dia, pelo menos 800 mil litros de petróleo são liberados no Golfo desde a explosão, em 20 de abril, que demoliu a plataforma de perfuração Deepwater Horizon, matando 11 pessoas.

 

Esta estrutura é consideravelmente menor que a primeira cúpula que a BP tentou, sem sucesso, usar na semana passada e é destinada a permitir que o metanol seja bombeado pela estrutura, o que, segundo engenheiros, evitará a formação do gás cristalizado que frustrou a tentativa anterior, disse Salvin.

 

Todos os trabalhos estão sendo feitos em quase escuridão total, a uma profundidade de quase 1.600 metros.

Mais conteúdo sobre:
vazamento petroleo oleo BP Golfo do Mexico

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.