'Bola está com Aldo Rebelo', diz presidente da Câmara

Para Marco Maia, votação do código será 'tranquila' se texto de relator ficar próximo das propostas do governo

Agência Brasil

10 Maio 2011 | 14h59

O presidente da Câmara, Marco Maia (PT-RS), disse que acredita num consenso sobre o texto do novo Código Florestal, cuja está marcada para esta noite. "Não há acordo, mas há sinais que levam à construção de um entendimento. A bola, agora, está no pé do relator, o deputado Aldo Rebelo." Para Maia, se o relatório apresentado for próximo das sugestões apresentadas pelo governo, "a votação será tranquila".

O impasse sobre o texto do novo Código Florestal se concentra em dois pontos: no que libera os proprietários de terras de até quatro módulos fiscais da recomposição de áreas desmatadas e no que define a área preservada à beira de rios pequenos, de até 10 metros de largura.

"Precisamos de uma votação equilibrada, que proteja o meio ambiente, mas que garanta segurança jurídica e proteção aos agricultores", disse.

Veja também:

blogAgrícola: Ainda sobre o Código Florestal

blogFernando Gabeira: O imprevisível novo Código Florestal

documento Íntegra da proposta

video TV Estadão: Entenda o novo Código Florestal

lista A polêmica atualização do Código Florestal do Brasil

Mais conteúdo sobre:
Código Florestalmeio ambiente

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.