Barcelona 'tem a melhor qualidade de vida na Europa'

Pesquisa coloca a cidade catalã como 4ª melhor para fazer negócios no continente.

Marcia Bizzotto, BBC

09 de outubro de 2007 | 18h00

Uma pesquisa feita com executivos, divulgada nesta terça-feira, indica que a cidade de Barcelona, na Espanha, é a que tem a melhor qualidade de vida no continente.A pesquisa European Cities Monitor é publicada anualmente pela consultoria britânica Cushman & Wakefield Healey & Baker (C&W/H&B).Seus resultados são baseados em entrevistas realizadas com altos executivos de 500 empresas que fazem parte da lista Europe's 15,000 largest companies ("As 15 mil maiores companhias da Europa", em tradução livre). Barcelona também foi apontada como a cidade que tem as melhores condições de alojamento para executivos de outros países, seguida de Madri.A capital da Catalunha, porém, ficou em quarto lugar na lista das cidades preferidas pelos executivos para se fazer negócios no continente, depois de Londres, Paris e Frankfurt.Desde a criação do índice, em 1990, as capitais britânica e francesa são consideradas as melhores cidades em termos de qualidade de mão-de-obra, facilidade de acesso aos mercados, conexões de transporte e qualidade das telecomunicações."Os novos projetos de desenvolvimento urbano em Londres certamente jogaram muito a favor da imagem positiva da cidade", afirmou o presidente de C&W/H&B, Denis Samuel-Lajeunesse.A pesquisa compara o desempenho dos 30 principais centros de negócios europeus e avalia questões consideradas cruciais pelas empresas no momento de decidir onde se instalar, como a existência sistemas de telecomunicações e redes de transportes eficientes e incentivos fiscais. São Paulo ficou em quinto lugar, ao lado de Nova Déli e Tóquio, entre as cidades não européias que os executivos escolheriam para ampliar seus negócios nos próximos cinco anos. Nesse quesito, a lista é liderada pelas chinesas Xangai e Pequim, seguidas por Mumbai e Cidade do México.BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.