'A gente fala menos e faz mais', diz Lula sobre meta do clima

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva afirmou nesta quinta-feira em Manaus que o país cumprirá o compromisso estabelecido para a redução dos gases do efeito estufa, causadores do aquecimento global.

REUTERS

26 Novembro 2009 | 18h58

"Nós queremos mostrar para os nossos amigos americanos, para os nossos amigos europeus, que aqui no Brasil a gente fala menos e faz mais", disse Lula durante inauguração do gasoduto Urucu-Coari-Manaus.

A declaração foi dada pouco antes da reunião de cúpula de países amazônicos, que incluirá a França, em que o objetivo é levar uma proposta comum à conferência do clima que se realiza em dezembro em Copenhague, capital da Dinamarca.

O Brasil, que já anunciou que vai reduzir as emissões de gases entre 36,1 e 38,9 por cento até 2010, cobra metas também dos países ricos.

A reunião desta noite, também em Manaus, está esvaziada. Além do presidente Lula, devem participar apenas os presidentes da França, Nicolas Sarkozy, e da Guiana, Bharrat Jagdeo. Foram convidados também Bolívia, Colômbia, Equador, Peru, Suriname e Venezuela.

(Reportagem de Carmen Munari)

Mais conteúdo sobre:
POLITICA LULA CLIMA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.