Um passeio pelo Jardim Botânico do Rio de Janeiro

Lucia Damico

05 Janeiro 2013 | 13h12

Rio de Janeiro, calor de ‘rachar’, a temperatura beirava os 40ºC. Roteiro: o Jardim Botânico.

Chegando lá, a primeira surpresa foi o tamanho do lugar, suas várias alamedas e as árvores gigantescas, fazendo muita sombra e que deixam o local bem mais fresco do que o resto da cidade.

Passear pelo Jardim Botânico do Rio de Janeiro é uma experiência necessária para quem precisa relaxar e deseja contemplar as belezas que a natureza da cidade maravilhosa oferece.

A alameda principal, com suas famosas palmeiras imperiais, é um dos locais onde os visitantes sempre posam para uma foto de recordação. O Cactário é fascinante e muito bem cuidado, digno de um registro. O Jardim Sensorial é outra atração que vale ser visitada, com diversos aromas de plantas e flores. E o canteiro tem algumas espécies com propriedades medicinais.

Encontrei uma espécie que conheci quando criança. A dormideira ou dorme-dorme (veja o vídeo abaixo), que tem este nome devido à forma como os folíolos das folhas se juntam quando ela é tocada ou exposta ao calor (sismonastia).

Alguns espaços que estão em manutenção, como o Memorial Mestre Valentim. Há também uma lanchonete, parque para as crianças e uma loja de souvenirs, onde são vendidos ótimos livros e outras publicações sobre botânica, jardinagem, etc.

O Instituto de Pesquisas Jardim Botânico do Rio de Janeiro pode ser visitado todos os dias das 8h às 17h e o ingresso custa R$ 6,00. Para menores de 7 anos e maiores de 60 anos, a entrada é de graça.


Exibir mapa ampliado

Curta Flores de Lulu no Facebook
Siga o @FloresdeLulu no Twitter
Mande críticas e sugestões para floresdelulu@gmail.com