De volta ao trabalho. O papa chama

Giovana Girardi

15 Junho 2015 | 21h11

Caros,

Mil perdões pela longa ausência. Como tinha explicado aqui há alguns meses, me ausentei do dia-a-dia da redação para fazer um fellowship para jornalistas de ciência no Instituto de Tecnologia de Massachussets. O curso acabou, acabei me engajando em um outro, oferecido pelo Laboratório de Biologia Marinha, de Woods Hole, e agora estou prestes a voltar pro trabalho – logo mais estou aí.

Ainda aqui de Cambridge, porém, o ‘papa acabou me chamando’ à labuta. Brincadeira com o santo padre à parte, a verdade é que impossível fechar os olhos para o frisson que a nova encíclica papal, que trata sobre mudanças climáticas e cobra da humanidade ações para combater os efeitos que nós estamos causando ao planeta, está causando nos Estados Unidos.

Um exemplo disso é a história que publiquei hoje sobre o impacto que causou o vídeo “O papa e a encíclica”, divulgado pela ONG Observatório do Clima e que está viralizando na Internet, com mais de 81 mil visualizações até agora pouco. Inicialmente divulgado por uma organização americana chamada Our Voices, o material foi retirado do ar após reclamações de católicos. Uma espécie de auto-censura que reflete a tensão que os EUA enfrentam diante da animosidade dos conservadores em relação ao texto. Veja aqui a história.

Mais conteúdo sobre:

encíclicaMudanças climáticaspapa