Relatório Planeta Vivo 2016 – WWF

Relatório Planeta Vivo 2016 – WWF

Alessandra Luglio

22 Novembro 2016 | 19h02

Hoje vim apresentar para vocês alguns dados importantes que agrupei da publicação  Planeta Vivo- Relatório 2016, Risco e Resiliência em Uma Nova Era, publicado pela WWF.

Captura de Tela 2016-11-22 às 18.49.37

A WWF é uma instituição sem fins lucrativos fundada em 1961 e que tem como objetivo a conservação global, consolidada como uma das mais respeitadas redes independentes de conservação da natureza, com atuação em diversos países. Dentre suas atividades e campanhas, existe a publicação “Planeta Vivo”, um relatório bienal que apresenta o cenário detalhado e atualizado da situação do meio ambiente em nosso planeta. Essa é uma importante publicação que reúne dados científicos e estudos de todos os continentes, servindo como um grande alerta para a saúde do nosso planeta! Ao longo dos meus posts aqui vou me aprofundar em alguns assuntos do relatório, mas nesse post inicial gostaria apenas de levantar alguns pontos para incentivar a leitura do relatório e a discussão sobre esse assunto tão importante:

 

WWF_25mm_no_tab

  • A estabilidade planetária, desfrutada por nossa espécie durante mais de 11.700 anos, e que permitiu o crescimento da civilização, não é mais algo com que se possa contar.

 

  • A maior parte da área terrestre do planeta já foi modificada pelos seres humanos.

floresta 2

 

  • Atualmente, estão ameaçados três quartos dos recifes de corais do mundo.

 

  • Extinções em massa ocorreram apenas cinco vezes nos últimos 540 milhões de anos. Mas nos últimos séculos, o planeta experimentou índices excepcionalmente elevados e crescentes de perda de espécies, se aproximando assim da sexta extinção em massa.

 

  • A crescente pressão humana sobre os ecossistemas e as espécies, está reduzindo o capital natural num ritmo mais rápido do que ele consegue ser recomposto.

 

  • As atividades humanas e o uso de recursos aumentaram tão incrivelmente desde meados do século 20 que as condições ambientais que promoviam nosso desenvolvimento e crescimento começam a se deteriorar.

 

  • A ação dos seres humanos ocorre?em tal magnitude que nós nos tornamos uma força geologicamente significativa, causadora de grandes mudanças no clima e na integridade da biosfera.

devast

 

  • Muitos dos padrões ou tendências no sistema alimentar são formados por escolhas que nós fazemos sobre qual alimento consumir.

 

  • O modelo atual predominante?de produção?de alimentos e abastecimento privilegia alguns poucos seletos enquanto marginaliza um grande número de outros indivíduos, além de danificar gravemente a natureza e os ecossistemas.

 

  • O consumo crescente de carne é a principal causa por trás da rápida expansão da soja. Aproximadamente 75% da soja mundial é utilizada para ração animal.

 

boi

  • A maior parte das pessoas consome mais soja do que elas pensam: a maioria dos europeus consome 61 kg de soja por ano e a maior parte disso é ingerida indiretamente na forma de produtos animais, como frango, porco, carne de gado e peixes de criadouro, bem como ovos, leite, queijo e iogurte.

 

  • Os consumidores de todos os produtos alimentares que utilizam soja detêm, na ponta do garfo, o futuro das florestas, das savanas e dos campos.

Para baixar o material na integral e ter acesso às fontes que foram utilizadas para sua elaboração,

Documento

Fonte: WWF. 2016. Planeta Vivo Relatório 2016. Risco e resiliência em uma nova era. WWF-International, Gland, Suiça.