Votação do Código Florestal é remarcada para a próxima terça

Apuração dos votos aconteceria nesta quarta, como esperava o senador Jorge Viana (PT-AC), relator da Comissão de Meio Ambiente (CMA), porém data foi alterada

Rosa Costa,

30 Novembro 2011 | 12h53

BRASÍLIA - A votação do projeto do Código Florestal terá início na próxima terça, 6, e não nesta quarta, 30, como esperava o relator da Comissão de Meio Ambiente (CMA), senador Jorge Viana (PT-AC). Isso significa que o líder no governo, Romero Jucá (PMDB-RR), concorda com o dispositivo constitucional que exige unanimidade entre os partidos para suprimir prazos.

O voto contrário do PSOL, portanto, inviabilizaria o acordo dos governistas com os líderes do PSDB e DEM para apressar a votação do Código. Na sessão desta quarta, será lido o requerimento de urgência que, pelo regimento, terá de ser aprovado em outra sessão, ou seja, nesta quinta-feira.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.