Tempestade tropical Helene enfraquece e atinge costa do México

A tempestade tropical Helene chegou à costa leste do México no sábado, perdendo força e sendo rebaixada à categoria de depressão tropical, segundo informações do Centro Nacional de Furacões dos Estados Unidos.

Reuters

18 Agosto 2012 | 13h34

A depressão estava a cerca de 24 quilômetros de Tampico com ventos de 56 quilômetros por hora, segundo relatório das 12h (horário de Brasília) do centro norte-americano.

Com o enfraquecimento do fenômeno, alertas de tempestade foram interrompidos na costa mexicana, embora a expectativa é que Helene produza chuvas de entre 7,6 a 15,2 centímetros nos Estados de Veracruz e Tamaulipas.

A previsão é que a Helene se dissipe nas próximas 48 horas. Não houve informações de que o fenômeno tenha afetado as instalações petrolíferas no Golfo do México, que são construídas para resistirem a furacões mais poderosos.

Na semana passada, o furacão Ernesto atingiu o México, causando fortes chuvas e deixando seis mortos.

Mais conteúdo sobre:
CLIMA HELENE ENFRAQUECE*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.