Recepção na Rio+20 preocupa presidente

Preocupada com a recepção e os serviços que serão prestados às autoridades e a todos que desembarcarão para a Rio +20, a presidente Dilma Rousseff convocou uma reunião com todos os órgãos envolvidos com o setor na segunda-feira, no Palácio do Planalto para saber do funcionamento de cada um e cobrar providências.

Tânia Monteiro, Roberto Simon e João Coscelli, Agência Estado

16 Maio 2012 | 08h47

Dilma não quer que os 110 chefes de Estado e de governo que confirmaram presença no encontro tenham qualquer problema na sua chegada ao Brasil.

Dilma chamou todos os representantes da Secretaria de Aviação Civil, Infraero, Departamento de Controle do Espaço Aéreo do Comando da Aeronáutica (Decea) e até o comandante da Base Aérea do Galeão.

Representantes da Receita Federal, Polícia Federal, Anvisa e outros órgãos que atuam nos aeroportos brasileiros também tiveram que dar explicações. A Base Aérea do Galeão será usada pelas autoridades para desembarque, assim como a de Santa Cruz, se houver necessidade.

Palestina

A Autoridade Palestina ameaça fazer um "boicote velado" à Rio+20, cancelando a vinda do presidente Mahmoud Abbas, caso Ramallah não seja tratada como Estado na cúpula. Essa queda de braço dividiu a ONU em 2011.

O problema de Abbas não é a posição do Brasil - que reconheceu a Palestina ainda no governo Lula -, mas a das Nações Unidas. Sob forte pressão dos EUA e de Israel, a ONU afirma que Ramallah não é membro pleno da Assembleia-Geral e, portanto, não pode ser tratado como Estado na Rio+20.

Facebook

Nesta terça-feira , foi lançado o jogo Game Change Rio, no Facebook, com os mesmos princípios dos games que inundam as plataformas sociais - gerenciamento da situação, troca de informações e acompanhamento dos resultados. Nesse caso, o objetivo é fazer do mundo um lugar mais limpo, que cresça sem poluir, onde todos têm o que comer e que, enfim, sobreviva ao desenvolvimento industrial. O melhor pontuador ganha uma viagem para a Rio+20.

As informações são do jornal O Estado de S.Paulo.

Mais conteúdo sobre:
Rio 20

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.