Pandas vermelhos ganham centro no Himalaia

Programa acontece em parque especialmente construído para isso; espécie é uma das mais raras do planeta

Da BBC Brasil, BBC

13 Janeiro 2009 | 10h33

O Estado de Sikkim, na Índia, tenta salvar o urso panda vermelho, uma das espécies mais raras do planeta, da extinção com um programa de reprodução em cativeiro.    O programa administrado pelo departamento estadual de florestas acontece em um parque especialmente construído na cidade de Gangtok, no Himalaia. De acordo com representantes do Parque Zoológico do Himalaia, o programa ainda está num estágio inicial, mas o objetivo é criar um centro de criação de pandas vermelhos. Atualmente o local abriga seis animais: duas fêmeas e quatro machos. Há seis meses, nasceu no zoológico um panda vermelho que foi identificado como macho. Além do programa de reprodução de pandas, o governo estadual de Sikkim também pretende iniciar um para leopardos da neve e outras espécies, para as quais já foram identificados locais ideais para a construção de centros.   BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

Mais conteúdo sobre:
índia himalaia panda vermelho

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.