Paloma se torna furacão 'extremamente perigoso'

O furacão Paloma se fortaleceu em uma "extremamente perigosa" categoria 4 no sábado, próximo do território britânico das Ilhas Cayman, no Caribe, informou um órgão norte-americano de meteorologia. Os ventos do furacão passaram a 135 milhas por hora (215 km por hora), informou o National Hurricane Center. "O Paloma é agora um furacão da extremamente categoria 4 na escala Saffir-Simpson", afirmou o centro, com sede em Miami. (Reportagem de Mohammad Zargham)

REUTERS

08 Novembro 2008 | 09h14

Mais conteúdo sobre:
CLIMA FURACAO PALOMA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.