Antony Dickson/AFP
Antony Dickson/AFP

Hong Kong aguarda o nascimento do primeiro bebê panda

Estrela do parque de diversões Ocean Park, Ying Ying está grávida; responsáveis estão 'prudentemente otimistas' com a gestação

O Estado de S. Paulo

01 Outubro 2015 | 11h52

HONG KONG - Depois de anos de tentativas frustradas, a panda fêmea Ying Ying, estrela do parque de diversões Ocean Park, em Hong Kong, espera uma filhote, que será o primeiro bebê panda da ex-colônia britânica.

Segundo um porta-voz do parque, em julho havia evidências de que Ying Ying, de 10 anos, estivesse grávida após diversas tentativas de inseminação natural e artificial.

No início de setembro, a panda, nascida na China continental, começou a comer menos, a dormir mais e a ter hipersensibilidade ao ruído. As ultrassonografias realizadas no fim do mês passado confirmaram que Ying Ying está grávida.

Seu bebê será o primeiro panda gigante nascido em Hong Kong. Os responsáveis pelo Ocean Park estão "prudentemente otimistas" de que a gestação tenha êxito, com o nascimento do filhote na próxima semana.

As pandas fêmeas se interessam pelo acasalamento apenas três dias por ano, e o período de gestação é de três a cinco meses. /AFP

Mais conteúdo sobre:
Panda Hong Kong

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.