Furacão Sandy deixa rastro de morte e destruição no Caribe

Pelo menos 20 pessoas morreram na passagem da tempestade por Cuba, Haiti e Jamaica.

BBC Brasil, BBC

26 Outubro 2012 | 07h49

Pelo menos 20 pessoas já foram mortas pelo furacão Sandy, sendo 11 em Cuba e 9 no Haiti.

No início desta sexta-feira, perdeu força e foi rebaixado para um furacão de categoria 1, que pode ter ventos de até 150 km/h.

Sandy desabrigou ainda milhares de pessoas no Caribe e causou apagões e enchentes em vários países.

No início desta sexta-feira, o furacão passa pelas Bahamas e segue para a costa leste dos Estados Unidos.

O estado da Flórida já decretou estado de alerta. BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.