AP
AP

Elefantes são deslocados para evitar atritos com fazendeiros

Fazendeiros algumas vezes usam a violência para proteger sua produção; animais vão para reserva ambiental

AP,

08 Junho 2009 | 15h41

Uma organização internacional está tentando acabar com a batalha entre elefantes e fazendeiros que ocorre em uma área rural de Malavi, removendo mais de 60 animais. Os elefantes estão sendo levados da vila de Phirilongwe, ao sul do Lago Malavi, para a Reserva Majete Wildlife.

 

Jason Bell-Leask, diretor do International Fund for Animal Welfare, disse que a remoção começou nesta segunda-feira, 8, com nove elefantes, incluindo três filhotes, que receberam doses de tranquilizantes, foram levantados por um guindaste e colocados em caminhões para uma viagem de seis horas até a reserva.

 

Fazendeiros locais algumas vezes usam a violência para proteger sua produção dos elefantes. Pelo menos 10 pessoas e diversos animais morreram em recentes confrontos.

 

Espera-se que leve mais três semanas para deslocar os demais animais.

Mais conteúdo sobre:
meio ambiente elefantes Malavi

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.