Dois micos-leões em extinção nascem em cativeiro na Hungria

Animaizinhos da espécie cara dourada, de origem brasileira, vivem no zoológico Tropicarium, em Budapeste

da Redação, estadao.com.br

30 Março 2009 | 13h31

Foto: Efe

 

SÃO PAULO - Dois filhotes de mico-leão de cara dourada (Leontopithecus chrysomelas) se seguram nas costas da mãe, ao lado do pai, no zoológico Tropicarium de Budapeste, na Hungria. Os dois animaizinhos nasceram há poucas semanas, em cativeiro. É um dos animais na lista de bichos em extinção. Ele é originário dos Estados da Bahia e Minas Gerais.

Mais conteúdo sobre:
mico-leão animais extinção Hungria

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.