Cãozinho de oito semanas é salvo depois de ficar preso em cacto

Filhote ficou com centenas de espinhos cravados na pele, mas acabou sendo resgatado e agora será colocado para adoção

BBC Brasil, BBC

26 Abril 2012 | 13h30

Um cãozinho de apenas oito semanas de idade foi salvo após ter ficado preso nos espinhos de um cacto.

Ele foi achado após vizinhos terem ouvido seus ganidos.

O animal foi levado para um hospital local, onde terminaram de retirar alguns dos espinhos que ainda estava presos em seu corpo.

Agora, o cachorro, que ganhou o apelido de ''Cactus Jack'' será colocado para adoção.

BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

Mais conteúdo sobre:
Cachorro espinhos

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.