Apesar de 'túnel do amor', fracassa acasalamento de pandas na Escócia

Animais brincaram juntos, mas não produziram crias em pequena brecha que têm por ano para acasalar.

BBC Brasil, BBC

05 Abril 2012 | 13h03

Fracassou um esforço do zoológico de Edimburgo, na Escócia, de gerar filhotes a partir do acasalamento do casal de pandas Tian Tian e Yang Guang.

Nos últimos dois dias, os especialistas do zoológico tentavam promover o acasalamento dos dois pandas, aproveitando uma brecha de 36 horas em que a fêmea consegue engravidar.

Essa brecha acontece apenas uma vez por ano, quando a fêmea ovula.

Tian Tian (que significa "querida") e Yang Guang ("raio de sol") foram reunidos através de uma estrutura chamada "túnel do amor", um espaço comum entre as jaulas dos dois animais.

Os pandas demonstraram interesse mútuo, mas não chegaram a produzir nenhuma cria.

Apesar do fracasso, autoridades do zoológico afirmam que a experiência serviu como aprendizado sobre o comportamento dos animais, que vieram da China há apenas três meses e meio.

O diretor de pesquisas Iain Valentine disse que o zoológico vai tentar um novo acasalamento no ano que vem.

"Ter filhotes de pandas teria sido um bônus neste ano, mas temos que levar em conta o fato de que os pandas chegaram há pouco e tiveram pouco tempo para se adaptar", declarou Valentine. BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.