‘A região não foi ouvida’, diz prefeita

Associação dos Sindicatos Rurais do Vale do Paraíba afirma que a iniciativa não tem apoio da população

Paulo Saldaña, O Estado de S. Paulo

18 Março 2014 | 21h10

SÃO PAULO - Seis municípios seriam atingidos pelo tombamento da Serra da Mantiqueira nos contornos do projeto proposto. De acordo com o agricultor Vander Bastos, presidente da Associação dos Sindicatos Rurais do Vale do Paraíba, a iniciativa não tem apoio da população local, que não teria sido ouvida. "O tombamento impactaria a população que mora nos bairros, a produção leiteira e de frutas. Será que os apoiadores do projeto conhecem a realidade da Mantiqueira?", diz ele, morador de Cruzeiro. "É possível preservar tombando pontos específicos, não precisa ser essa área."

De acordo com a prefeita Ana Maria de Golvea, da cidade de Piquete, uma das afetadas, fazer o plano de manejo da APA da Mantiqueira, que ainda não existe, seria a melhor forma de conservar. "Esse projeto, que é praticamente o mesmo do parque, é de gabinete, a região não foi ouvida. Não somos contra a preservação, mas tem de preservar com sustentabilidade." 

Mais conteúdo sobre:
Mantiqueira

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.