Manjericão, o tempero da nona

Lucia Damico

26 Abril 2012 | 17h37

Boa neta de italianos que sou, eu sempre esperava o domingo chegar para acompanhar minha avó na cozinha preparando o molho, sempre tão cheiroso, para o macarrão. Posso até sentir o aroma como se fosse agora. Ela costumava colocar manjericão misturado a outros temperos e, como mágica, deixava tudo uma delícia.

Por causa dessas lembranças, hoje vou escrever sobre a plantação de hortas em casa. Não é preciso muito espaço para cultivar as ervinhas que agradam tanto olfato e paladar.

O primeiro passo é escolher o que queremos plantar, mas já que falei do aroma do molho, que tal o Manjericão?

Precisamos de uma mudinha ou sementes da planta. Você pode adquirir em lojas de decoração, supermercados e floriculturas. Custam em média R$ 2,00.

Na sequência, temos que preparar o local onde a planta será colocada. Pode ser um canteiro ou um vaso com pedrinhas ou caquinhos de cerâmica para drenagem e terra até a metade do recipiente. Plante a mudinha ou a semente e deposite mais terra até que a raiz seja totalmente coberta.

O manjericão precisa ficar sob o sol pleno, mas sem exposição excessiva. Ele não tolera o frio e deve estar, preferencialmente, próximo da cozinha, para facilitar o acesso de quem for cozinhar.

Para que sua planta continue firme e forte é recomendado o replantio de tempos em tempos. No verão, deve ser regado com regularidade.

Quando o manjericão florir, corte o pendão. Este método manterá a planta sempre bonita.

Curiosidades do Manjericão – O Ocimum basilicum é uma das mais importantes ervas culinárias. Sua mística espalhou-se pelo mundo a partir do México e o tornou conhecido como o ‘Talismã do Amor’. Com folhas decorativas e saborosas, dá um toque poético a diversos tipos de pratos.

Também é usado em tratamento médicos. Suas folhas têm propriedades sedativas e são muito boas para combater enjoos, vômitos e dores de estômago. É ainda usado como um repelente natural de insetos.

Atenção: sempre procure um profissional da área médica antes de iniciar qualquer procedimento.

Em uma próxima oportunidade darei dicas de outras ervas para serem cultivadas em casa.

Curta Flores de Lulu no Facebook
Siga o @FloresdeLulu no Twitter
Mande críticas e sugestões para floresdelulu@gmail.com

(Fotos: Medien Kommunikationn)

Chamado de ‘Talismã do Amor’, o manjericão dá um toque poético a diversos pratos
As folhas do manjericão têm propriedades sedativas e são boas contra enjoos