PERIGO À VISTA 1
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

PERIGO À VISTA 1

Dener Giovanini

07 Setembro 2011 | 13h55

A Comissão de Agricultura da Câmara Federal aprovou, em sua última reunião, o Projeto de Lei 5989/09, de autoria do deputado Nelson Meurer (PP/PR), que dá incentivos para a criação de espécies exóticas de peixes no Brasil. O objetivo do deputado é equiparar a criação de espécies estrangeiras com as nativas. Com isso, seriam eliminados uma série de impedimentos na legislação brasileira, que visam resguardar o meio ambiente dos riscos ambientais que espécies exóticas podem trazer ao país.

O deputado alega que espécies como a tilápia-do-nilo, a carpa húngara e a carpa prateada, entre outras, são altamente produtivas e com excelente aceitação no mercado, além de já serem criadas em território nacional.

Tilápia-do-nilo. Espécie chega a 5kg. Foto FIOCRUZ

Cabe lembrar que a criação de espécies exóticas sempre representa um risco. São vários os casos no Brasil de espécies que saíram do controle e se transformaram em pragas ambientais, como o caramujo-africano-gigante, o javali e a Rã-Touro. A própria tilápia-do-nilo já causou grandes prejuízos em outras partes do mundo. No próprio continente africano, essa espécie foi introduzida no lago Vitória, que fica na fronteira do Quênia, Tanzânia e Uganda. Lá, a tilápia-do-nilo, devido a sua grande capacidade de reprodução, tornou-se a espécie predominante e levou a extinção diversas outras espécies de peixes nativos.

Mais conteúdo sobre:

CongressoReflexões