BRASÍLIA QUEIMA
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

BRASÍLIA QUEIMA

Dener Giovanini

09 Setembro 2011 | 13h37

O ar da capital do Brasil está pesado, quase irrespirável. O tão declamado “céu de Brasília” está apagado, cinza e sombrio. Nas últimas 24 horas, o Corpo de Bombeiros do Distrito Federal registrou mais de 50 focos de incêndios. Os maiores concentram-se no Jardim Botânico, área com 5 mil hectares de Cerrado. Ali vivem inúmeras espécies da fauna silvestre, parte delas ameaçada de extinção.

É impossível precisar a quantidade de animais vitimados pelo fogo. Passarão de milhares, com certeza. Lobos-guarás, onças, quatis e pássaros, nesse exato momento, estão sofrendo queimaduras e agonizando com a impossibilidade de respirar no meio da densa fumaça.

Tudo queima, menos a cara de quem tem a responsabilidade de evitar essa tragédia anunciada. As queimadas nessa época do ano não são novidades. Muito menos é novidade a inoperância, incompetência e irresponsabilidade dos órgãos de controle e fiscalização ambiental no Brasil. Pobre país o nosso.

Fogo destrói áreas de Cerrado em Brasília. Foto: Marcelo Casal Jr/ABR